Terça-feira, 06.01.09

 

A história de encantar de hoje é da Ana Dinis, mas já sabes que também tu podes ter a tua história de encantar aqui publicada basta enviares "Uma História de Encantar" para twilightportugal@gmail.com, com o teu nome

 

Aqui vai um poema que escrevi sem me aperceber (como tantos outros), mas que no final me apercebi que me era familiar... Espero que sintam o mesmo!
 

Desistir ou desistir? (Único caminho)


A partir de hoje, nunca mais…


Há quanto tempo me ouves dizer isto?! Apenas dizer, porque não me é possível exercê-lo!
O (falso) fascínio que tal exercia em mim, terminou…


Talvez lenta, talvez abruptamente… E isso importa?!


 

O que importa é que (finalmente) acabou! E agora que faço?!


Deixo-me ir, enquanto me afundo lentamente, nesta tristeza revoltante, ou… Batalho e renego tudo o que me ensinaram?


Gostava tanto que houvesse uma resposta certa para esta questão...


Mas se queres saber… Parece não haver resposta certa para nenhuma questão que diga respeito à minha vida actualmente… Parece que nunca houve!


Só queria conseguir chorar como as pessoas normais, não me importando com a aparência de fraqueza… Mas se não consigo, que posso fazer?! Pedir-te que o faças por mim?!


Sabes que isso nunca resultaria. Porquê, não sei! Talvez por sermos muito diferentes, talvez por sermos demasiado parecidos…


Os comprimidos deixaram de funcionar e o espírito alterna entre estados depressivos.


Sei que não resistirei muito mais tempo, se algo não mudar…


E apesar de saber precisamente o que tenho que mudar, tal decisão não se adivinha fácil… Talvez por não ser uma decisão, mas sim um caminho que evitei durante muito tempo percorrer, mesmo sabendo que não podia fugir dele por muito mais tempo!


E agora que é tarde demais é que parece que encontrei a resposta, agora que parece não valer de nada! Sou tão patética! Neste momento, o espírito clivou-se da mente e deixou de ser racional…


Cheguei à margem do rio e decido-me a saltar, não me comovo com o que deixo para trás, nem mesmo com estas vozes que me perseguem dia e noite!


Ainda não percebi se estas vozes são a tua (infrutífera) tentativa de me fazer recuar, ou a minha própria (fraca) tentativa de preservação…


Nenhuma delas resultou, pois as águas já me envolvem totalmente e respirar deixou de ser doloroso… Já não respiro, apenas reflicto!


E sei que tal estado não durará muito…


Agora sei que é assim que acabará! E a única dor que sinto é a de não ter tentado! Mas sei que não falta muito mais… Faltam apenas alguns segundos, não mais que um minuto!
Para quem aguentou estes intermináveis meses, não parece muito!


Só te peço que neste último momento, não abandones os meus pensamentos!


Toca aquela música que em tempos me dedicaste, apesar de pensares que eu a tinha renegado. Apesar de não parecer eu sempre prestei muita atenção ao que dizias… Eras o único escape a toda esta frustração e impotência que crescia dia a dia dentro de mim!


Para onde quer que caminhe, espero que saibas que a levarei sempre comigo, por mais dolorosas que sejam as recordações!


Ana Dinis



Patrícia_TP às 13:07 | link do post | comentar

6 comentários:
De Anne a 6 de Janeiro de 2009 às 15:05
ADORO o poema !
está mto bom mesmo ..

parabéns ;)


De Ana Dinis a 6 de Janeiro de 2009 às 20:51
Obrigada Anne!!!


De Mónica Marques a 10 de Janeiro de 2009 às 17:47
Excelente!!!
Adorei o poema...
;D


De Iness a 12 de Janeiro de 2009 às 19:15
Está realmente lindo. Tens bastante geito, e sim também me é familiar ;) Adorei!


De Daniela Galamba a 21 de Janeiro de 2009 às 20:10
Esta completamente fabuloso......
Tu escreves super bem....
É simplesmente único,tocante....comovente!!!
Dos poemas que li até hoje este sem dúvida é o mais magnifico que eu alguma vez li...!!!
Devias escrever mais...

adorei..


De Daniela Galamba a 21 de Janeiro de 2009 às 20:12
Há...e SIM também me é muito familiar....!!!!


Comentar post

status

Online desde:25.04.2008

Contador: hits

Staff do TP: And, Carolina
layout: MissangaAzul


Contactos


em todos os momentos twilight


Já nos deste o teu like?
pesquisar neste blog
 
Links vários
comentários recentes
Nova tatuagem?
sai o divórcio no museu antes de no papel :D
É interessante ver Michael Sheen em um papel difer...
Obrigada!
Obrigada! Sê bem-vinda :)
Oi, sou do Brasil e sou nova por aqui, estou amand...
Não sabia que se conheciam, a St.Vincent faz parte...
Corrigido, obrigada :)
Sabe tão bem voltar a ver fotos dele em ação. Uma ...
A foto não tem dia específico. É de ''há alguns di...

Arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


1999:

 J F M A M J J A S O N D


1998:

 J F M A M J J A S O N D


1997:

 J F M A M J J A S O N D


1996:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds