Sexta-feira, 23.01.09

 

A história de encantar de hoje é da Catarina Monteiro de Aragão, 16 anos, de Guimarães, mas já sabes que também tu podes ter a tua história de encantar aqui publicada basta enviares "Uma História de Encantar" para twilightportugal@gmail.com, com o teu nome.

 

No dia 16 de Junho deste ano, enquanto esperava pelo meu namorado no centro da cidade, decidi dirigir-me à Biblioteca Municipal para matar o tempo. Subi ao primeiro andar e dirigi-me à secção dos fundos, a secção da literatura estrangeira e, como sempre, sentei-me aleatoriamente no chão, a perscrutar as lombadas dos livros até encontrar algum livro interessante. Engraçado, pela primeira vez sentei-me em frente da estante dos M's, e um livro com um nome interessante chamou a minha atenção - "Crepúsculo". Crepúsculo?, interroguei-me. Bolas, o que é isto? Levantei-me, peguei no livro e voltei a sentar-me no chão. Que capa soberba ele tinha! E a contra-capa? Cortou-me totalmente a respiração e, sem demoras, sentei-me no chão a lê-lo. Quando dei por mim (porque uma bibliotecária me abanou insensivelmente), o meu namorado já me tinha ligado mil e uma vezes e já se tinha passado mais de uma hora e a Biblioteca ia fechar. Fiquei possessa! Levantei-me relutantemente, requisitei o livro e fui ter com o meu namorado. Pela primeira vez estava distraída ao pé dele e desesperada por ir embora! Quando finalmente cheguei a casa meti-me no meu quarto e só parei de ler de madrugada... Uma noite totalmente em branco, pois, quando acabei de ler, mil e uma sensações transbordavam na minha cabeça e reclamavam explicação. Uma noite em que me tornei uma fã obcessivo-compulsiva da Saga Luz e Escuridão.

 

 

Quando tive oportunidade, no dia seguinte, revirei a Internet de uma ponta à outra à procura de mais informação sobre o livro – foi assim que descobri o site Twilight Portugal e ainda que, oh meu deus, Crepúsculo tinha uma continuação! Procurei o livro por todo o lado e, desesperadamente, nesse mesmo dia, não o encontrando, tirei-o, sem querer saber de mais nada, em brasileiro da Internet. Devorei novamente até à madrugada do dia seguinte e o mesmo aconteceu com Eclipse.

 

Foram três dias em que não me senti eu. Três dias em que morri para dentro daqueles livros, daquelas palavras que me contavam algo que eu, desesperadamente, queria tanto, tanto. Três dias em que só me senti viva de noite, nos momentos em que lia e lia, mergulhava na cabeça da Bella, era tocada e inebriada pelas palavras do Edward...

 

Por fim, obviamente, veio a depressão. Na verdade, nunca foi fácil para mim lidar com o mundo em que vivemos, em aceitar esta realidade – para mim sempre foi mais fácil mergulhar nos meus livros. Tinha a cabeça num torvelinho, as ideias esgotadas de si... Até que a luz veio. Lentamente. Tirando-me o sufoco. É claro que a obcessão não cessou, mas conforme as ideias se organizavam na minha cabeça, tudo se tornou mais leve! Crepúsculo para mim significou um mundo, e significará sempre. Enquanto a realidade se separar da imaginação :)
 

Um beijinho,
Catarina Monteiro de Aragão

 



Patrícia_TP às 12:27 | link do post | comentar

12 comentários:
De Ana a 23 de Janeiro de 2009 às 13:32
muito linda...gostei muito


De Sofia a 23 de Janeiro de 2009 às 14:06
Adorei =')

quanto á parte da depressao foi exactamente como eu.. e ainda nao caí em mim que é este o mundo, que infelizmente, vivemos.

Parabens, continua a escrever ;)


De bellapatrica a 23 de Janeiro de 2009 às 15:06
eu tbm tou a escrever um historia..qe e' bastante grande e ainda nao acabei...


chama-se Amanhecer...e o sub titulo e' "e se Isabella swan escolhe-se Jacob Black"...apesar de amar loucamente o Edward tou a adorar escreve-la e as pessoas qe a leram tao agstar muito...e' um bocado doleroso quando escrevi a parte em qe ela da a noticia ao Edward...mas no final ela vai voltar para ele...


De Taila Bella Swan a 23 de Janeiro de 2009 às 19:45
Eu também quando comecei a lêr crepúsculo devorei ele por inteiro,pela madrugada em minha cama. O mesmo foi com Lua Nova e agora estou lendo no e-book Eclipse,mais pelo que eu estou sabendo é q estão esperando traduzir a continuação de eclipse...


De sofia mateus a 31 de Maio de 2009 às 19:55
Eu tenho 30 anos, numa semana li os 4 livros e estou como voces ficaram! Porque é que eu nao vivo num mundo destes, onde as pessoas seguem o coraçao e amam desinteressadamente. Os livros fizeram-me repensar a minha vida...


De Filip@ Cullen a 23 de Janeiro de 2009 às 18:56
Lindo *.* Adorei mesmo.
Sim quanto á depressão... também eu sofro do mesmo. É muito dificil libertarmo-nos de um mundo como é o de Crepusculo...


De Claudinha a 24 de Janeiro de 2009 às 10:54
WOW, está lindo, adorei, adorei :D


De hngb a 24 de Janeiro de 2009 às 14:40
Estou aquiiiii !:D
Oh, obrigada TP ! E obrigada a quem comentou... Saiu do coração :)


De Carla a 30 de Janeiro de 2009 às 01:40
Bem... Eu preciso mesmo de dizer isto... Hum... Fui ver o filme quase "obrigada" pela minha prima adolescente... Ela já me tinha falado variadas vezes do filme "Crepúsculo", sobre a história de amor entre uma mortal e um vampiro... Inicialmente ri-me, por achar uma história muito fantasiosa... Mas, como eu própria em adolescente tive uma paixão imensa pelo sobrenatural, cedi aos pedidos dela e fomos ver o filme... Bem... Durante a sessão não tirei os olhos do ecrã! Estava completamente extasiada com a história que via desenrolar-se mesmo diante de mim!! Escusado será dizer que saimos as duas completamente atordoadas da sala de cinema... Não paramos de falar sobre o filme durante todo o caminho para casa!! Sentia-me como se tivesse recuado uns quantos anitos, até à minha dolescência , e todo o interesse por histórias incrivéis (que na altura me levaram a devorar os livros de Anne Rice) tivesse voltado! Nessa mesma noite fiz o que a Catarina relata na sua história: vasculhei a Internet para saber mais sobre o filme... Para minha surpresa, existia o livro... Não me fiz de rogada e comprei-o! Afinal, se o filme era bom... O livro só podia ser fantástico!! Li-o o mais rápido possível, aproveitei todos os tempinhos livres para, literalmente, o devorar em três dias! Só não o li mais rápido, devido a uma série de obrigações laborais! E, como a Catarina diz, veio a depressão... Aaaaaahhhhh !!! Porque razão vivemos num mundo tão diferente do de Crepúsculo?!? A vida seria muito mais interessante se realmente fosse possível encontrarmos um Edward ao virar da esquina! ;) Bem, as minhas pesquisas pela Internet deixaram de ser relacionadas apenas com o meu trabalho, começando a focar-se na saga Luz e Escuridão. Até que encontrei alguns capítulos do Sol da Meia Noite... Os quais devorei automaticamente!! :) É uma pena se a Stephenie não o terminar... Enquanto isso, Lua Nova já está na minha mesinha de cabeceira, enquanto eu leio pela segunda vez o Crepúsculo! :) Bem.. a depressão já passou, durou pouco tempo! :) Mas ficou a vontade imensa de ler os restantes livros, a admiração por uma escritora divinal, e até vi a renascer em mim a vontade de escrever... Algo que já tinha colocado de lado há alguns anos... À minha prima adolescente, fica o agradecimento por me ter permitido conhecer o que eu considero ser mais do que um livro juvenil, julgo mesmo que é uma obre de arte! E à Bella e ao Edward , fica o agradecimento por me terem permitido fechar os olhos e sonhar! :)


De Joana a 9 de Março de 2009 às 16:58
Isso também aconteceu comigo!
Li Crepúsculo em 3 semanas. Os meus amigos já nem me reconheciam. Passava intrevalos a ler, ler e mais ler...Era estranho...nunca gostei muito de ler!
Mas depois de ver o filme...tudo mudou! Comecei a ler e nunca mais parei! Já estou a meio da Lua Nova e estou ansiosa por chegar ao Cheque-Mate (livro que ainda não saiu), especialmente porque pelo que já percebi Bella vai ficar grávida de Edward!
Estes livros são...o modelo de vida desejado! O romance, a cumplicidade...tudo e mais alguma coisa
Metem o coração de qualquer rapariga a palpitar cada vez mais acelarado!


De Joana a 9 de Março de 2009 às 17:02
Passados alguns dias de acabar de ler o Crepúsculo, entrei mesmo em "depressão"...não era capaz de ir algum lado pela casa sem ter o livro na mão...era como se fosse uma espécie de amigo! Consolava-me imenso! Quando tinha algum problema com os meus amigos, fechava-me no quarto e lia até não conseguir mais...abstraía-me do Mundo e dos problemas do dia-a-dia... Se o mundo fosse como o crepúsculo...


De Joana a 9 de Março de 2009 às 17:14
ADERE AO NOSSO CLUB DE FANS! ADICIONA ESTE MAIL E ESCLARECE AS TUAS DUVIDAS! ADERE AO CLUB!
crepusculo_clubfans@live.com.pt

NAO TE ESQUEÇAS!!


Comentar post

status

Online desde:25.04.2008

Contador: hits

Staff do TP: And, Carolina
layout: MissangaAzul


Contactos


em todos os momentos twilight


Já nos deste o teu like?
pesquisar neste blog
 
Links vários
comentários recentes
Nova tatuagem?
sai o divórcio no museu antes de no papel :D
É interessante ver Michael Sheen em um papel difer...
Obrigada!
Obrigada! Sê bem-vinda :)
Oi, sou do Brasil e sou nova por aqui, estou amand...
Não sabia que se conheciam, a St.Vincent faz parte...
Corrigido, obrigada :)
Sabe tão bem voltar a ver fotos dele em ação. Uma ...
A foto não tem dia específico. É de ''há alguns di...

Arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


1999:

 J F M A M J J A S O N D


1998:

 J F M A M J J A S O N D


1997:

 J F M A M J J A S O N D


1996:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds