Terça-feira, 03.04.01
  • A Aparência dos Lobisomens
  • Velocidade
  • Força
  • Fisiologia
  • Tornar-se num Lobisomem

 

Aparência dos Lobisomens

 

Os lobos variam na aparência física, tal como os seus homólogos humanos.

 

Por exemplo, o lobo que afugentou Laurent de Bella (NM10) é descrito assim: “Ele era enorme – tão alto como um cavalo, mas mais corpulento e muito mais musculoso. O focinho alongado fez um esgar, exibindo um conjunto de incisivos que se assemelhavam a punhais. Emitiu um rosnar medonho, que ecoou pela clareira como um trovão.” Tão colossal que a princípio Bella pensou tratar-se de um urso.

Os outros lobos são descritos da seguinte forma: “Um era cinzento-escuro, o outro castanho, mas nenhum era tão alto como o primeiro.” E por fim um “monstro castanho-ferrugem”. (NM10)

 

É no lobo “castanho-avermelhado” que Bella se concentra, explicando: “Tinha os olhos escuros, quase negros. Fitou-me durante uma fracção de segundo exibindo um olhar demasiado inteligente para um animal selvagem. Enquanto me observava, subitamente recordei de Jacob.” (NM10) Mas só no seu último sonho é que Bella percebe que estes olhos são na realidade “os conhecidos olhos castanhos-escuros de Jacob Black.” (NM12)

 

As cores dos lobos parecem ser atribuídas ao acaso. A cor castanho-avermelhada de Jacob poderia estar relacionada com o seu tom de pele, mas se assim fosse, então os outros lobos teriam cores similares, uma vez que todos eles têm uma aparência humana idêntica. No entanto, embora os lobos sejam acentuadamente diferentes na aparência, eles são semelhantes na força e no tamanho.

 

Em ‘Eclipse’ descobrimos que existem algumas correlações entre as formas de humano e lobisomem. Bella pergunta a Jacob porque é que ele tem mais pêlo que os outros: “Porque o meu cabelo é mais comprido.” (EC22)

 

O efectivo “tamanho monstruoso” destas criaturas é constantemente enfatizado. Isto também está claramente relacionado com as mudanças que Bella nota nos rapazes, apesar de ela só relacionar as duas situações mais tarde. “Ali estavam apenas quatro rapazes seminus e enormes.” (NM14) Enquanto humano, Jacob é “gigante” e Bella também repara nas mudanças de Quil: “Ele parecia maior do que da última vez que o vira. O que se passava com aqueles rapazes Quileute? Estariam a alimentá-los com hormonas experimentais de crescimento?” (NM11) Ao que parece, ocorre um período de rápido crescimento nos jovens Quileute antes de se transformarem em lobos.

 

É também visível que os rapazes mudam significativamente em outros campos que não o tamanho, quando chegam à idade de evolução para lobisomem. Jacob corta o cabelo rente, tal como Sam e os outros, e “As faces pareciam, subtilmente, ter endurecido e ficado mais tensas… ele tinha envelhecido. O pescoço e os ombros também estavam diferentes, mais robustos, de certo modo. As mãos, segurando o caixilho da janela, pareciam enormes, com os tendões e as veias bem salientes numa pele castanho-avermelhada.” (NM11) Tornar-se num lobo é um sinal de maturidade, logo Jacob cresce também como humano. Isto parece acontecer igualmente com Sam Uley, cuja primeira descrição é: “Mais parecido com um homem do que com um rapaz, e com uma voz muito profunda.” (TW6)

 

A aparência física humana dos rapazes torna-se de tal forma semelhante que eles poderiam ser confundidos com “quadrigémeos”. “A forma como se deslocavam, quase em sincronia, parando do outro lado da estrada, à nossa frente; o facto de todos exibirem os mesmos músculos longos e arredondados, sob uma pele castanho-avermelhada; o mesmo cabelo negro cortado rente; e a maneira como as suas expressões se alteravam simultaneamente.” (NM14)

 

Velocidade

 

Tal como os vampiros, os lobisomens também têm uma habilidade sobre-humana para correr. Jacob diz mesmo que é como ser melhor e mais rápido que uma mota, e pensa que a possibilidade de correr tão rápido é “A melhor parte,” (NM15) do facto de ser um lobisomem.

Mesmo na sua forma humana, Jake parece ter desenvolvido mais velocidade: “Deu meia volta e correu pelo parque de estacionamento, atravessou a estrada e penetrou na floresta. Embrenhou-se nas árvores, veloz e gracioso como uma corsa.” (NM13) A comparação com os vampiros é bastante clara e a própria Bella refere que estar nas costas de Edward enquanto ele corre é “Cem vezes melhor do que andar de moto.” (NM24)

 

Uma vez que os lobos conseguiram apanhar Laurent, eles poderão ser ainda mais rápidos do que os vampiros. Bela diz: “Não conseguia imaginar semelhante situação, os lobos a correrem mais depressa do que um vampiro. Quando os Cullen corriam, quase que se tornavam invisíveis face à velocidade atingida.” (NM15) A velocidade parece ser a verdadeira arma dos lobisomens, bem como a troca de pensamentos dentro da alcateia.

Os seus reflexos são também imensamente rápidos: “Com uma rapidez assombrosa, Jacob agarrou um abre-latas pousado no balcão, e lançou-lho à cabeça. Jared levantou a mão mais depressa do que julgava ser possível e agarrou-o antes de lhe atingir a cara.” (NM14)

 

Certamente que enquanto alcateia eles são velozes o suficiente para despedaçar um vampiro, independentemente do quão forte este possa ser.

 

A força dos lobos

 

Enquanto lobos, os seus movimentos são “poderosamente ilimitados” (NM10), mas também parece existir uma diferença na sua força enquanto humanos. Bella nota que Jake a segura “muito bruscamente”, e quando ele a abraça, é um movimento de tal forma “esmagador” que Bella diz mesmo “não consigo respirar”. (NM12) Ele não parece tão consciente como os vampiros da sua força adicional, mas isto poderá estar relacionado com a novidade de mudanças por que passou.

 

Tal como acontece com os Cullens, quando Jacob está na forma de lobo exibe demonstrações de força semelhantes: “Ele passou os braços por trás de mim e levantou-me sem esforço – como quem pega numa caixa vazia.” (NM16) No entanto, antes da transformação ele limita-se a colocar o braço em torno de Bella e ajudá-la no caminho de volta, depois do seu acidente de mota.

 

Quando mais tarde na história, Jacob fala com Bella sobre o facto de ser um lobisomem, ele explica: “É para isto que fomos feitos, Bells. Nós também somos fortes.” (NM13)

 

Os sons que os lobos emitem também estão relacionados com a força e a ferocidade, por exemplo, o seu rosnar é repetidamente descrito “como um trovão”. (NM14)

 

Se um lobo e um vampiro se encontrarem numa luta, existem algumas ideias do que pode acontecer. Uma alcateia foi suficiente para apanhar Laurent, mas se é possível que um lobo sozinho domine um vampiro, isso já é outra questão.

 

Parte da força de um lobisomem está relacionada como facto de ele (ou ela) não ser apenas uma única identidade, mas sim fazer parte de um grupo. Eles são mais fortes em grupo do que seriam sozinhos. Eles comunicam através da possibilidade de “ouvir os pensamentos uns dos outros, mas apenas quando estão na forma de lobo” (EC5), e durante lutas como as que vemos no fim de ‘Eclipse’, eles podem alertar-se mutuamente para o perigo.

 

Eles são mais do que uma equipa. “Não há privacidade, não há segredos” (EC5) entre eles e isso torna-os mais fortes. Tal como Edward diz: “A mente da alcateia é hipnotizante. Todos pensam juntos e depois separadamente. Há tanto para ler.” (EC19)

 

 

Fisiologia

Enquanto estão na forma humana, a sua pele é “ardente” (NM12). Bella apercebe-se disso pela primeira vez quando julga que Jake tem febre, no regresso a casa depois da ida ao cinema. “Jake, estás a arder!” (NM9), no entanto esta temperatura é comum para o corpo dos lobos. Os lobisomens são claramente os pólos opostos dos vampiros, cujas peles são geladas ao toque, como mármore. Talvez a sua marca fisiológica reflicta a tensão que existe entre eles.

"Nós ficamos um pouco mais quentes que as pessoas normais. Cerca de uns quarenta e quatro, quarenta e cinco graus. Eu nunca mais fico com frio. Eu podia ficar assim" - indicou para o seu tórax nu - "numa tempestade de neve e isso não me ia incomodar. Os flocos iam transformar-se em chuva onde eu estivesse." (NM15) Stephenie diz que esse é uma das características exclusivas de seus lobisomens.


Eles também têm a capacidade de cicatrizar fisicamente muito rápido. As lesões não duram muito.
""Ele vai estar óptimo ao pôr-do-sol."
"Ao pôr-do-sol? - Eu olhei para a linha no braço de Paul. Estranho, mas parecia já lá estar há semanas. “
"Coisa de lobo", Jacob sussurrou." (NM14) Podemos observar isto novamente quando Jake fere a mão tão gravemente que precisa de pontos, e momentos depois estava curada: “Deveria ter levado dias para criar ferida e depois semanas para aparecer a cicatriz rosa brilhante que a sua pele tem agora. (EC9)

 

A verdadeira transformação entre humano e lobisomem é descrita detalhadamente em ‘New Moon’. A primeira transformação não é certamente a mais fácil, Jacob fala a Bella dos seus sintomas: “Tudo”, sussurrou. “Todas as partes de mim doem.” (NM9). Inicialmente pensou-se que Jacob poderia sentir dor física, mas Stephenie explicou que não é assim. “A transformação para a forma de lobo não é um processo doloroso, é apenas desorientador e mentalmente desconfortável.” (PC11) Jacob refere-se a uma dor mental, por ter percebido que ele também é um monstro e as implicações que isso tem na sua relação com Bella.

 

Quanto à transformação, ela pode acontecer em qualquer altura, e isso não depende de uma lua cheia. No caso dos jovens lobisomens, eles podem transformar-se involuntariamente devido à falta de auto-controlo: “O que aconteceria… se ficasses muito zangado?” eu murmurei. “Transformar-me-ia em lobo.” suspirou. (NM13) Os efeitos deste tipo de transformação são visíveis na relação ente Sam e Emily e as lesões desfiguradoras que ela sofreu. (NM15, PC11)

 

A transformação é um processo súbito e é descrita através de uma série de palavras violentas: “rebentamento”, “explodiu”, “vibrando violentamente”, “despedaçando”, (NM14). É tão súbito “que se eu tivesse pestanejado, teria perdido toda a transformação” (NM14) As transformações iniciais parecem ser impulsionadas pela raiva, e Jake explica que a sua própria evolução para lobo foi abrandada pela sua felicidade com Bella: “Eu era uma bomba relógio. E sabes o que me accionou? Quando cheguei a casa depois daquele filme, Billy disse que eu parecia estranho. E isso foi suficiente, eu simplesmente estalei. E depois explodi. Eu quase arrebatei a cara dele – do meu próprio pai! (NM15) A transformação de Sam Uley reforça isto, “foram precisas duas semanas para ele se acalmar suficientemente para voltar à forma humana.” (EC5)

Jacob parece conseguir transformar-se entre lobo e humano mais facilmente dos que os restantes. “Nem mesmo o Sam teria conseguido transformar-se assim no ar. Ele viu Paul perder a calma e levou, quê, meio segundo para atacar? O miúdo tem um dom!” (NM14) Mais tarde ele explica a Bella que isto poderá advir dos seus antepassados: “É preciso alguma prática para transformar e regressar à forma humana mas é mais fácil para mim… porque Ephraim Black era o avô do meu pai, e Quil Ateara era o avô da minha mãe.” (NM15) Porque a sua linhagem está fortemente ligada à última alcateia, parece ser mais fácil para ele do que para os outros.

 

Os lobisomens só se desenvolvem quando existem vampiros nas redondezas, para que a terra dos Quileute esteja sempre protegida. Jacob explica: “Não existe uma idade exacta… vai crescendo e crescendo, e de repente – “ (NM15) Parece ocorrer por volta do momento em que um rapaz se torna num homem maduro, e é definitivamente acompanhada por um súbito impulso de crescimento.

 

O sentido de identidade de bando é forte. Tanto que eles são capazes de ouvir "...pensamentos - uns dos outros, de qualquer forma - não importa a distância a que estamos uns dos outros. Ajuda muito quando caçamos, mas de outra forma atrapalha muito. É embaraçoso - não ter segredos, assim." (NM13) Mesmo na forma de lobo, eles retêm total controlo sobre as suas mentes humanas. "Eles ainda são eles mesmos - de nenhuma maneira são selvagens, lobisomens sem consciência como em outras mitologias." Isso significa que todas as acções são acções conscientes, apesar de ser completamente possível que um lobisomem enervar-se e ficar descontrolado tanto como humano como lobo. Jacob mostra o seu lado humano em forma de lobo quando na corrida para lutar com Victoria, quando ele faz uma cara com “a língua pendente de lado num sorriso rasgado de lobo” para fazer Bella rir. “O sorriso rasgado de Jacob rompeu por entre os dentes afiados.” (EC18)

 

Acreditou-se que os lobisomens seriam apenas homens até à transformação de Leah Clearwater, que surpreendeu toda a gente, apesar de “ok, ela é uma descendente directa.” (EC19). A questão da impressão natural é também importante, porque é desta forma que o lobisomem encontra a única pessoa com quem está destinado a ficar para sempre: “Não é como o amor à primeira vista, a sério. É mais como… se a gravidade se movesse. Quando a vês, subitamente já não é a terra que te prende. É ela. E nada mais tem importância.” (EC18)

 

O sentido do faro foi ajustado para ajudar a identificar o inimigo. “Vampiro – ele cuspiu - Consigo cheirá-lo!” (NM16) Não é certo que isso se verifique em outras circunstâncias, mas é verdadeiro que eles reconhecem os vampiros a longa distância através do seu cheiro demasiado doce e repelente.

 

Tal como os vampiros, eles também são extremamente fortes, Bella parte a mão ao dar um murro a Jacob: “Estava partida, eu sentia-o.” (EC15)

Finalmente, quando alguém tem um lobo dentro de si, isso é para o resto da vida. “O que eu sou nasceu comigo.” (EC4), e enquanto eles forem principalmente lobos, eles “não… crescem,” (EC5) e param de envelhecer. Jacob explica que isto só acontece até eles deixarem de se transformar “durante um longo período de tempo, [depois] começamos a envelhecer novamente.” (EC5)

 

 

Tornar-se num Lobisomem

A história da tribo Quileute e a sua conexão com coisas sobre-humanas é documentada do capítulo11 de ‘Eclipse’. É-nos dito que “sempre houve magia no nosso sangue” e que existiam “guerreiros espirituais” andes de eles se tornarem pessoas que “mudam de forma”. O conto de Taha Aki relaciona pela primeira vez a tribo com o lobo, porque o seu espírito partilhava do corpo do animal. Isto parece ter sido o princípio da possibilidade de ser mais para além do simples homem e do simples lobo.

 

A descrição de Taha Aki encaixa com aquilo que Bella descobre sobre Jacob e os outros lobisomens. “Ele liderou a tribo durante muitos anos, já que ele não envelhecia” (EC11) e passou geneticamente a habilidade de transformação para os seus filhos “depois de eles atingirem a idade adulta.” É importante salientar que tal como Jacob e os seus amigos eram diferentes, também os lobos da história eram distintos entre si, “porque eles eram espíritos de lobos e reflectiam o homem que eles eram no fundo.” (EC11)

 

Se não há vampiros nas proximidades, então “os descendentes de Taha Aki deixam de se transformar em lobos quando atingem a idade adulta”. Se existem apenas um ou dois vampiros, “a alcateia permanece pequena”. (EC11) É de notar que quando o número de vampiros aumentou com o exército de Victoria, “a alcateia cresceu” (EC18) para que eles fossem capazes de lutar.

 

Há uma ligação directa entre vampiros e lobos, apesar disso, Bella acredita que “Os Cullens não faziam ideia… Eles não sabiam que o facto de virem para cá vos faria transformar.” (EC5), mas Jacob está certo: “Bela, nós apenas protegemos as pessoas de uma coisa – o nosso único inimigo. Essa é a única razão porque existimos – porque eles também existem.” (NM13) Se os vampiros não estivessem presentes, não haveria motivo para os lobisomens protegerem a tribo.

 

Para se transformar num lobisomem, é necessário ser descendente de Taha Aki. Sempre se acreditou que teria de ser um descendente directo homem, mas este facto mostrou ser irreal quando Leah Clearwater se tornou membro da alcateia. (EC19) Não há como escapar: “O que eu sou nasceu comigo. É parte do que eu sou, do que a minha família é, do que todos somos enquanto tribo.” (EC4) Não é uma opção, mas sim algo que acontece a um determinado número de pessoas na idade de maturidade: “Está no meu sangue, dos dois lados. Nunca tive escolha. Tal como Quil não teve escolha.” (NM15) Uma vez que se é lobisomem, não há como voltar atrás. Tal como Jacob friamente brinca: “Não, isto é para a vida. É uma sentença perpétua.” (NM12)

 

Não existe uma “idade exacta” (NM15) para alguém se tornar lobisomem. Jacob explica que “Por vezes, o facto de se ficar realmente chateado, ou algo do género, pode impulsionar a mudança mais cedo.” (NM15) e que é necessário ter controlo sobre os sentimentos e a raiva para se conseguir regressar à forma humana. Com Sam, “foram precisas duas semanas para ele se acalmar suficientemente para voltar à forma humana” porque ninguém previu que lhe acontecesse a ele e “ele pensou que tinha enlouquecido” consequentemente. (EC5)

 

É pouco clara a quantidade de tempo que dura a transformação inicial, mas é sugerido que seja cerca de uma semana. “Embry não foi à escola durante uma semana” (NM7) e Bella resolveu dar-lhe “uma semana antes de começar a insistir” (NM10) sobre a doença de Jake. A elevada temperatura corporal é um dos sintomas: “Wow, Jake – estás a arder!” (NM9) e há também a sugestão de alguma dor “todas as partes do meu corpo doem” (NM9), apesar de Stephenie Meyer esclarecer que é algo mais “desorientador e mentalmente desconfortável” (PC11) do que uma dor física.

 

A alcateia tem um líder, um macho alfa. Na época de Bella, este deveria ser Jake, devido à sua linhagem, mas ele explica: “Eu não queria ser nenhum chefe lendário. Eu não queria fazer parte de uma alcateia de lobisomens, e muito menos o seu líder. Eu não poderia aceitar, e Sam ofereceu-se.” (EC11) Sam Uley lidera-os em vez de Jacob. O alfa controla a alcateia: “Quando ele nos diz para fazermos alguma coisa, ou não – quando ele deixa isso bem expresso, bem, nós simplesmente não podemos ignorá-lo.” (NM14)

 

 

Tradução por: Catarina Ferreira



Carolina às 17:39 | link do post | comentar

status

Online desde:25.04.2008

Contador: hits

Staff do TP: And, Carolina
layout: MissangaAzul


Contactos


em todos os momentos twilight


Já nos deste o teu like?
pesquisar neste blog
 
Links vários
comentários recentes
É inevitável vermos estas fotos e não nos lembrarm...
Estou com um sorriso de orelha a orelha, creio que...
É impressão minha ou a Kristen está a ficar um pou...
Bolas, tenho de confessar que gostava que fosse 10...
Já foi desmentido. Zero verdade x)
Tem alguma ponta de verdade a notícia que li hoje ...
Oooohhhhhhh
Na altura em que essas fotos saíram, foi dito que ...
Foi surpreendente vê-lo entrar com aquele casaco, ...
Olá :) Talvez surpreendentemente, não, em princípi...

Arquivo
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


1999:

 J F M A M J J A S O N D


1998:

 J F M A M J J A S O N D


1997:

 J F M A M J J A S O N D


1996:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds