Sábado, 16.01.10

Capítulo Dezanove
 
-Quem Jake? Quem é? Alguém que eu desconheça?
-E como Nessie?
-Como o quê? – Inquiri baralhada.
-Como é que se vai chamar o nosso filho?!
-Oh, não mudes de assunto… e sabes lá se é um rapaz!
-Sei, sei! Eu sei muito bem o que é que fiz!
-Não sejas tonto! – Disse-lhe com um grande sorriso nos lábios.
Não esperava tal reacção dele… Provavelmente nunca o tinha visto tão feliz. A verdade é que também eu nunca tinha estado tão feliz, mas… esta notícia era tão recente. Nunca tinha sentido isto… também, penso que é normal, nunca tinha estado grávida. É uma sensação nova e tão diferente que ainda não tinha tido tempo suficiente para assimilar tudo. Ia a ser mãe, ter um ser a crescer dentro de mim.
Grávida. Que palavra tão estranha do dicionário que agora me descrevia. Memórias vieram repentinamente à minha cabeça. Senti um enorme calafrio. Uma lágrima brotou dos meus olhos.
-Q-que que se passa? Que tens? Estás bem?! – Agora agarrava-me, e os sues olhos transmitiam aperto e preocupação.
-Jake… Oh Jacob! O que é que nos vai acontecer? O que é que lhe vai acontecer?!
-Calma, calma! Mas que tens? Que se passa?
-Jacob… o bebé… o que é que lhe vai acontecer?
-Não vai acontecer nada ao bebé!
-Os…Volturi…
-Esses filhos da mãe não vão fazer nada ao meu filho!!! Não te preocupes! Vou protege-lo com unhas e dentes!
-E… o meu pai? A minha família?
-Esquece-os! Só nós importamos! E nada nos vai acontecer, não o permitirei.
-Jacob não percebes! O que é ele vai ser?
-Ah… rapaz ou rapariga. Mas se queres que te diga prefiro um rapaz, assim dá para jogar à bola e…
-Não Jake!
-O quê?
-Não pensas?! A espécie!
-Eu não acredito… filho vampiro?
-Que criatura será?! Vamos ter imensas complicações, já para não falar nos Volturi!
-Não quero saber desses gajos! E não interessa o que o meu filho seja! Até pode ser uma sanguessuga, ou um meio hipopótamo meio orangotango. Vou amá-lo, porque é, e nunca vai deixar de ser, meu filho.
                                                    (…)
-Está vazia. – Informei. – Devem estar todos na casa grande.
-Estás preparada?
-Sabes Jake… tenho de fazer um teste primeiro.
-O quê?!
-O Carlisle disse que pensa que estou, mas não fiz nenhum teste!
-Só podes estar a gozar comigo! Estava tão contente!
-Jake eu… - Fiz uma pausa. Não aguentei. – Venho já!
                                                   …
-Hey vá lá! Sai daí, estás a deixar-me preocupado!
Finalmente abri a porta da casa – de – banho, e dirigi-me até Jacob.
-Já não preciso de nenhum teste. Agora só preciso de alguém que me despedace em bocados e me queime na fogueira. Tenho de enfrentar o meu pai.
-Anda. – E estendeu-me a mão. – Nada nos vai acontecer, estamos juntos.
Agarrei a sua mão, e juntos abandonámos a minha casa.
Caminhamos lentamente, como se estivéssemos numa marcha fúnebre. Mas o tempo não pára, por mais que se queira. Por mais que eu queira parar, e evitar este momento, tal não pode acontecer. Tenho de enfrentar as consequências dos meus actos. Mesmo que a consequência se chame Edward Cullen.
Edward Cullen. Senti um enorme calafrio mal estava palavra tinha acabado de entrar e assombrar a minha mente. Mas o que é que me está a acontecer? Estou apenas num sonho? Um pesadelo? Como é que isto pode acontecer? Porquê? Porquê agora?
Parámos. Inspirei e expirei, olhei para o relógio que se encontrava no meu pulso, e de seguida para Jacob. O nosso olhar ficou cruzado por breves instantes.
-Tem de ser… é o nosso destino. – Disse eu.
Toquei à campainha.
-Olá queridos! – Disse Esme, abrindo a porta dois segundos depois.
-Olá. – Respondemos em uníssono assombrados com a velocidade da cena.
-Esme… o meu pai está aí? – Sussurrei antes de entrar.
-Está na garagem com o Jasper e o Emmett.
-Obrigado.
-Passa-se alguma coisa?
-Não digas ao meu pai que estamos aqui, por favor. Deixa-o lá.
-Não te preocupes.
E ambos entrámos.
-O Carlisle?
-Está lá me cima. – E sem aguardar resposta, peguei na mão quente de Jacob, que o fez arrepiar em contacto com a minha, e juntos subimos rapidamente as escadas, e entrámos no escritório de Carlisle.
-Olá. – Disse ele. – Já falaram?
-Sim. – Respondi.
-Venham comigo. – Seguimo-lo, e entrámos numa outra sala, que mais parecia um autêntico gabinete de hospital.
-Temos imenso que falar… nunca existiu nada assim na história! Uma semi-vampira, com um lobisomem. Têm noção dos riscos?
-Bem… estou a tentar não pensar muito nisso. – Respondi.
-Não sabemos o que é. A tua mãe teve uma gravidez de alto risco, não sabemos o que te poderá acontecer. Além disso…
-Sim?
-Estás em transição. Não sabemos como será a evolução da gravidez… ou seja, podes terminar o processo, e a gravidez ficar a meio.
-Como assim? Que lhe aconteceria?!
-Deixaria de se desenvolver. O teu corpo não ia aceitar mais quais queres mudanças físicas.
Tanto eu, como Jacob estremecemos ao ouvirmos e ponderarmos aquela hipótese.
-Mas tenham calma… - Disse logo de imediato, mal viu a nossa reacção. – Renesmee, deita-te aqui. Vou observá-lo, e tirar dados para o estudar.
-Uma eco grafia?
-Sim, podemos chamar-lhe assim.
-Guarde as imagens do meu filho, hein?
-Jaocb, controla-te. – Pedi.
Depois fiz o que Carlisle me pediu, deitei-me na maca, e Jacob sentou-se num banco a meu lado. Carlisle colocou um creme transparente na minha barriga, e ligou uma máquina. Com um género de um “comando”, percorria-a muito lentamente.
-Uau! – Disse Carlisle.
-Que se passa? – Perguntou Jacob.
-Está bastante desenvolvido.
-Consegue prever o parto? – Perguntou.
-Quanto tempo de passou desde que…?
-1 mês… - Respondi com vergonha.
-Bom… este feto parece ter 3…
-Hey, hey! Eu sei muito bem quando o fiz! – Disse Jacob. – Além disso, nessa altura era amnésico, não sei se se lembra!
-Então Renesmee… Com o que posso concluir…
-Siiiim? – Disse Jacob ansioso, que apertava a minha mão com força. Demais.
-Se o vosso feto com 1 mês, equivale a 3, poderá ser possível que daqui a 2 meses seja o parto.
-O quê?!
-Não Emmett! Já disse que não vou jogar playstation!
-Oh não… - Dissemos os três em uníssono.
-Edward. – Proferi.
-Vão para baixo… dêem-lhes a novidade, vou continuar aqui a observa-lo, gravei as imagens. Não se preocupem, em breve descerei para vos apoiar, e com as dúvidas mais esclarecidas.
-Vamos Nessie.
Carlisle limpou-me a barriga, e lentamente eu e Jacob saímos da divisão. Com passos lentos, como se estivéssemos numa marcha fúnebre, descemos as escadas.
-Pai… família, tenho algo a dizer-vos. – Proferi, quando desci o último degrau.
-Despacha-te, quero ir jogar playstation.
-Emmett… - Repreendeu-o Esme.
Estava tudo petrificado a olhar para nós. Olhei lentamente cada um deles. O meu pai estava de pé, com um olhar atento e flamejante, com a minha mãe mesmo a seu lado. Alice também já se tinha levantado, e era notável a preocupação nos seus olhos, Esme tinha a mesma expressão. Emmett aborrecido, e Jasper com um olhar atento, pronto para algum passo em falso, e poder acalmar os ânimos. Rosalie estática, imperceptível.
-Bem, eu…
-É grave? – Perguntou a minha mãe.
-Depende do ponto de vista. – Respondeu Jacob.
-Que se passa? – Perguntou Alice nervosa, mas com a voz perfeita, sem nenhuma alteração no seu timbre.
-Eu…
-A esta hora já podia ter passado 5 níveis…
-Estou grávida! – Soltei logo.
Ninguém se mexeu, e Jacob apertou com mais força a minha mão.
-Vá lá putos, tenho pressa, digam lá a noticia! A verdadeira, de preferência…
-Emmett, não estou a gozar.
-Elaaaaaaá! – Exclamou de repente, o que nos fez a ambos sobressaltar - Quem diria hein Jacob? Rafeiro poderoso! – Disse, falando brasileiro nesta última frase.
Olhei de realce para os meus pais.
O meu pai tinha agora os olhos fechados, e os punhos cerrados, a contraírem-se cada vez mais, assim como os seus maxilares.
-Bem, ah… parabéns! – Disse Esme, nervosa.
Alice estava parada, e o mexia o seu pulso a um ritmo alucinante, com a boca aberta, fazendo sons “ah… eu ah…ah…aaa…bem…”.
-Alice? – Disse eu, preocupada.
-Estou tão contente! A sério que estou! Apenas receio pelo nosso futuro… - Disse nervosa, mas com a voz melódica, sem quais queres alterações. Sorri-lhe.
-Jasper? – Perguntei.
-Bom, vai ser só mais um para eu ter vontade de comer… Sobreviverei. Parabéns.
-Obrigado – Respondi, meio incomoda. Os meus pais continuavam imóveis, imperceptíveis.
E, lentamente, os lábios do meu pai abriram-se.
Nesse momento Carlisle descia as escadas, com alguns papéis nas mãos, estava nervoso, mas com um grande sorriso nos lábios.
-Tenho algo a dizer-vos! – Informou.
-Sim? – Inquirimos nervosos.
Este levantou os braços, e respondeu com a voz repleta de alegria;
-São gémeos!!!!
A sala gelou.
Apenas uma voz, a de Emmett, se atreveu a falar.
-Elá dois???!!!! O Jacob é potente!! Gémeos, hein? Jacob, quer sambar cara? Show de bola!

 

 



S. às 21:32 | link do post | comentar

36 comentários:
De Adrianaa a 16 de Janeiro de 2010 às 22:34
AMAI...

Ate chorei..

Quando e que e o proximo capitulo??

please podem dizer??



p.s -> vou contar os dias..


De -amimdizem...rita a 18 de Janeiro de 2010 às 10:29
Olaá,
meninas, o próximo capitulo sai dia 25 de Janeiro !
Entretanto podem acompanhar algumas novidades no meu blog Rita Diniz´s Stupid Diary; http://ritadinizstupiddiary.blogs.sapo.pt/
Assim que mais datas me sejam fornecidas, publica-las-ei aí nesse link do blog ^_^
obrigado mais uma vez a todas !!


De Lucy SC a 16 de Janeiro de 2010 às 22:37
Gostei muito...ta muito bonita e engraçada, as falas do Emmete estão demais....continuem por favor!!!!
Para quando o próximo capítulo, tou ansiosa....:)))


De Bi@ a 16 de Janeiro de 2010 às 22:39
Espectacular!!!
Adorei as falas do Emmet =D
Estou ansiosa pelo próximo, não demorem muito!!

Kisses


De Bruna a 16 de Janeiro de 2010 às 22:41
Ola.
Queria dar os parabens a estas raparigas, que escrevem muito bem, so me ri com esta parte da fanfic.

Eu nunca li as fanfics de ninguem e hoje apeteceu-me e li esta parte, e agora vou ler desde o inicio, pois adorei esta fanfic.

Continuem, pois tem imaginaçao


De Anita Fartote a 16 de Janeiro de 2010 às 22:47
lol aquele Emmett.....enfim!

looool


De Ana. a 16 de Janeiro de 2010 às 23:13
Adorei!
Esta mesmo boa a fic.
Vamos lá ver a reacção do Sr. Cullen!
Continuem!


De Ana Rita a 16 de Janeiro de 2010 às 23:42
O meu capitulo até agora!
Parabéns!

Beijinhos :)


De Daniela_TP a 16 de Janeiro de 2010 às 23:46
Ai meninas, não consegui parar de rir com as piadinhas de mau gosto do Emmet..........mas o que podemos fazer? É o Emmet...

E gémios???? Que fixe.................a fanfic esta fantástica.

Parabens meninas.........já estou ansiosa pelo proximo capitulo!!!

bjs


De nocas *.* a 17 de Janeiro de 2010 às 09:06
OMG!!OMG!!OMG!!OMG!!Ontem só de ler este capítulo hoje acordei de bom humor!!
ESTÁ LINDO, FANTÁSTICO, MAGNIFICO, BRILHANTE TUDO TUDO E MAIS ALGUMA COISA (tal como os outros :P) !!!
PFF PFF POSTEM O PROXIMO CAPITULO RAPIDO
NUNCA PENSEI QUE HOUVESSE NESTE SAGRADO MUNDO OUTRA PESSOA QUE ME CONSEGUISSE SUSCITAR TANTO INTERESSE NA SUA ESCRITA SEM SER A STEPH MAS ENGANEI.ME! CONSEGUIRAM PÔR-ME A RIR E A CHORAR E ÁS VEZES TUDO AO MESMO TEMPO!
PARABÉNS!!

BJS


De Mary a 17 de Janeiro de 2010 às 13:02
Parabéns!
MUITO BOM!
Está muito bem humorado!
Adorei e estou ansiosa para ler o próximo que ainda irá ser melhor!
Continuem!


Comentar post

status

Online desde:25.04.2008

Staff: And e Carolina
Layout: Missanga Azul
em todos os momentos twilight


Já nos deste o teu like?
pesquisar neste blog
 
Links vários
comentários recentes
Tinha de vir aqui a este cantinho, finalmente o Mi...
A primeira imagem certamente está "quebrada", e pa...
Sobre os Talentos especiais de Alec: ele tem um V...
Você ainda a tem? Se sim, poderia me enviar? model...
Olá. Estou a procura de uma fanfiction que vocês p...
Aproveito só que está esteve a dar breaking dawn n...
Pelo que eu vi da entrevista, o Rob foi irônico ao...
Casamento lindo, me lembrou muito o casamento da B...
Meu sonho encontrar ele assim
Casal mais lindo

Arquivo
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


1999:

 J F M A M J J A S O N D


1998:

 J F M A M J J A S O N D


1997:

 J F M A M J J A S O N D


1996:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds