Segunda-feira, 15.11.10

 

 

 

Capítulo 19

Versão da Nessie

 

"Esquece, nunca vais ser melhor do que eu." disse com um olhar superior.

"Isso querias tu..." gargalhou Jacob.

"Duvidas?"

"Bastante..."

"Prova-o! Vá lá Sr.Jacob Black. Mostra o que vales."

"Ok, vamos à desforra..." disse Jake com o comando da playstation na mão.

Jogos de corridas, jogava-os para passar tempo ou para gozar com o Jake por ele perder sempre. Obviamente ele fazia de propósito para ser eu a ganhar, mas dava sempre para soltar umas boas gargalhadas.

"Se voltares a perder ponho-te na rua." ameacei.

"Pões nada, não tens coragem..."

"Tenho sim."

"Não tens não..." olhou para mim com carinha de cachorrinho abandonado, os olhos brilhavam, fez beicinho. Era impossível resistir-lhe, tentava mas não conseguia.

"Tenho!" menti.

"Então tenho mesmo de ganhar para poder ficar aqui contigo." olhou-me nos olhos. O meu olhar encontrou o dele e agarraram-se sem fim, não o conseguia desviar. Tossi para aclarar a voz.

"Jake..."

"Sim..."

"Vamos jogar?" perguntei embrenhada no seu olhar. Ele demorou a responder.

"Aaa...sim. Vamos!" disse embaraçado desviando o olhar.

Já se tinham passado 3 anos, e ainda continuávamos num impasse onde nenhum de nós avançava. A verdade é que eu, agora, já entendia os meus sentimentos por ele, já era obvio para mim que o meu amor por Jacob Black era realmente verdadeiro, forte, inquebrável. Não precisava de mais tempo, apesar de ele me ter prometido que esperava por mim o tempo que fosse preciso para sermos felizes juntos, eu sempre vivi com o medo de ele não conseguir cumprir essa promessa. Era difícil controlar os ciúmes sempre que o via com Violet que continuava a querer 'dar uma trinca' no meu Jacob. Esta, sempre que o via, proferia elogios, vidrava os seus olhos no seu corpo perfeito.

Aguardava e sonhava com o dia em que Jacob tivesse novamente coragem para me questionar sobre os meus sentimentos, ou avançar directamente sem eu ter de proferir uma única palavra. Rubi tentava convencer-me a avançar, mas eu sou demasiado tímida para isso, para além de que o medo da rejeição me atormenta e se apodera de mim sempre que o tento fazer.

A Rubi tornou-se uma irmã para mim, saíamos juntas, quer para a escola, quer para ir a La Push ter com Jacob e Seth, quer para caçar, ir às compras, cinema, etc. Dávamos conselhos uma à outra sem que nenhuma de nós precisasse de pedir. O meu pai chegava a dizer que nós possuíamos os poderes dele mas exclusivamente uma com a outra. Era divertido quando bastava um olhar para percebermos o que a outra estava a pensar.

Regressei à terra quando ouvi Jacob gritar.

"Viste! Ganhei! Quem é o melhor?" gabou-se.

"Oh estava distraída..." desculpei-me.

"Pois, mas eu agora já não vou para a rua. Vou ficar aqui... contigo."

Ele dizia-me coisas que me faziam derreter, querer beijá-lo, apertá-lo num abraço, suster a respiração, parar de pensar, sentir-me a flutuar, nem sei descrever as emoções que ele me fazia sentir.

"Pois vais..." ia continuar a frase que o meu coração queria dizer mas que o meu pensamento impediu.

"Ias dizer mais alguma coisa?" perguntou Jacob desconfiado, para meu embaraço ele conhecia-me bem demais.

"Não." menti. Ele virou a cara e olhou para o chão. Não sei porquê mas dentro de mim surgiu uma dose de coragem que me fez falar. "Jake..." chamei. Só depois me apercebi que ele tinha pronunciado o meu nome exactamente ao mesmo tempo. "Fala tu." incentivei-o.

"Não, força. Tu primeiro."

"Jake, a sério, não era importante."

"Ok..." suspirou. "Nessie...tu sabes o que eu sinto por ti, não sabes?"

"Gostava que me dissesses outra vez." pedi.

"Nessie...eu amo-te mais do que tudo. Não consigo viver sem ti, não respiro, não sinto o meu coração bater, não penso, quando estou sem ti. Digamos que o meu amor por ti é eterno e incondicional, obviamente, incurável e irreversível." Não pude evitar sorrir com estas palavras proferidas delicadamente pela voz rouca de Jake.

"Sim..."

"Eu...eu preciso de saber..." pareceu procurar as palavras. "Eu preciso de saber ... se... aaa....tu já sabes aquilo que sentes. Quer dizer, o que sentes por mim Nessie?"

Não consegui responder, o meu pensamento bloqueou, só consegui continuar a olhar para ele e a respirar descontroladamente.

"Hmm.." finalmente alguns sons começavam a escapar pela minha boca, mas nunca palavras.

"Nessie, desculpa, não devia ter falado nisto. É só que...já se passaram 3 anos desde que tivemos esta conversa pela última vez. Acho que o tempo já foi suficiente. Mas parece que não. Esquece, quando estiveres certa e quiseres falar sobre isso sabes onde me encontrar. Estarei sempre ao teu lado, serei sempre o teu amigo Jacob Black, aquele que sempre te apoiou, mesmo que nunca venhas a desenvolver sentimentos aprofundados por mim."

"Eu quero falar nisso agora." as palavras romperam a minha garganta sem que eu tivesse sequer pensado em falar. Agora teria de continuar, seria cruel não lhe dizer a verdade. "Eu..."

A porta do meu quarto abriu-se de repente, não pude terminar o meu discurso. Jacob ficou sem saber o que eu sentia.

"Renesmee!!!" cantarolou a minha tia Alice a entrar no quarto. Olhou para Jacob. "Ups desculpem interromper mas é urgente."

"Oh não há problema. Eu estava de saída!" disse Jake.

"Hmm ok." sussurrou Alice.

"Adeus Nessie, vemo-nos depois."

"Adeus."

Jacob fechou a porta quando saiu. A tia Alice agarrou-me na mão.

"Tu não sabes..."

"O quê?" perguntei curiosa. "Ai conta-me estás a deixar-me nervosa!"

"Prepara-te...Vêm aí algo pequeno mas bombástico. Eu vi..."

"Conta...por favor." disse empolgada.

"Vamos ter um membro novo na família Cullen. E é um bebé!"

"Bebé? Quem é que está grávida? Ou vai estar?" Alice riu. "Ai, meu Deus. As únicas que podem engravidar sou eu e a Rubi! Eu vou engravidar?" perguntei preocupada. Não tinha idade nem sentido de responsabilidade para isso. Eu nem de mim própria conseguia cuidar quanto mais de uma criança?

Alice não parava de rir.

"Não és tu trenga. Pelo menos ninguém está a contar que tu engravides tão cedo. Mas tem cuidado com o que andas a fazer..."

"Tia!" repreendia por estar a dizer tal coisa.

"Estou a brincar."

"Então de quem é o bebé? Conta de uma vez..." pedi.

"Da Rosalie."

"Como? Ela não pode ter filhos..."

"Pois, agora vem a parte triste... Os pais desta criança vão ter um acidente de carro do qual só vai sobreviver o bebé, depois de o estabilizarem no hospital um velho amigo da nossa família vai entregá-lo a Carlisle que, por sua vez, vai deixa-lo aos cuidados da Rose. Que obviamente vai ter aquilo que sempre desejou."

"Wow, triste perder os pais assim."

"Pois, mas agora vai ter uma família." sorriu.

"Sim, é menino ou menina?"

"Menino."



Carolina às 21:35 | link do post

De Rita a 17 de Novembro de 2010 às 23:16
ohhh
A Rose vai ter um menino que bom :)
Gostei mt do capitulo, é pena ela n poder ter dito ao jacob o k sente


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

status

Online desde:25.04.2008

Staff: And e Carolina
Layout: Missanga Azul
em todos os momentos twilight


Já nos deste o teu like?
pesquisar neste blog
 
Links vários
comentários recentes
Tinha de vir aqui a este cantinho, finalmente o Mi...
A primeira imagem certamente está "quebrada", e pa...
Sobre os Talentos especiais de Alec: ele tem um V...
Você ainda a tem? Se sim, poderia me enviar? model...
Olá. Estou a procura de uma fanfiction que vocês p...
Aproveito só que está esteve a dar breaking dawn n...
Pelo que eu vi da entrevista, o Rob foi irônico ao...
Casamento lindo, me lembrou muito o casamento da B...
Meu sonho encontrar ele assim
Casal mais lindo

Arquivo
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


1999:

 J F M A M J J A S O N D


1998:

 J F M A M J J A S O N D


1997:

 J F M A M J J A S O N D


1996:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds